Qua, 25 de Nov
×

Busca

SENAR OUTUBRO TOPO

Cafés especiais


Produtor das Montanhas Capixabas vence prêmio Melhor Café do Ano

Denizar Dias Douro (Douro Cafés Especiais), de Marechal Floriano, levou o primeiríssimo lugar com 89,79 pontos na Categoria Arábica

Por Leandro Fidelis
20/11/2020 21h00
Atualizado em 23/11/2020 20h51

Denizar (D) com o pai Estevão e o irmão, Thiago. (*Foto: Leandro Fidelis/Arquivo Safra ES)

Novidades no formato do evento, nas categorias e também nas regiões produtoras campeãs. Cafeicultores das Montanhas Capixabas (Categoria Arábica) e do Sul da Bahia (Categoria Canéfora) são os vencedores do “Coffee of The Year 2020” (Melhor Café do Ano). O concurso de qualidade foi promovido dentro da programação da Semana Internacional do Café (SIC 2020), que encerrou sua versão on-line agora há pouco.

Denizar Dias Douro (Douro Cafés Especiais), de Marechal Floriano, levou o primeiríssimo lugar com 89,79 pontos. Na prova às cegas, o júri atestou bebida com notas florais, açúcar mascavo e especiarias no café produzido na região serrana do Espírito Santo. Ao todo foram 406 amostras inscritas na Categoria Arábica.

Já na Categoria Canéfora, o campeão é Gustavo Sturm, de Teixeira de Freitas (BA). A amostra de café alcançou 85,17, superando outras 29 concorrentes. Altos graus de complexidade e doçura, além de notas de chocolate e surpreendentes notas de frutas vermelhas pesaram na decisão. O bicampeão em 2018 e 2019, Luiz Claudio de Souza, de Muqui (ES), ficou com o vice (Confira relação dos vencedores abaixo!).

Durante a transmissão pelo site oficial da SIC, a jornalista e apresentadora Mariana Proença destacou a diversidade presente na final do COY 2020. Quinze regiões brasileiras e produtores de diversas etnias estiveram representados na disputa.

Transmissão on-line do resultado.

Novas categorias

Além das categorias tradicionais do concurso de qualidade, este ano foram premiadas as melhores amostras de fermentação induzida nas variedades Arábica e Canéfora. As amostras surpreenderam pelas notas sensoriais mais altas que as concorrentes de fermentação natural.

A nota máxima de todas as amostras inscritas este ano foi alcançada pela cafeicultora Maria Gabriela Baracat Sanchez (Fazenda Dois Irmãos Cafés Especiais), de Coromandel, no Cerrado Mineiro: 88,29 pontos na categoria Arábica.

Na categoria de Canéfora, outra mulher faturou o primeiro lugar: Ediana Capich (Sítio Santo Antônio), de Novo Horizonte do Oeste (RO). A nota na análise sensorial foi 86,8 pontos.

RESULTADO FINAL- COFFEE OF THE YEAR 2020

CATEGORIA ARÁBICA
1º- Denizar Dias Douro (Douro Cafés Especiais)- Marechal Floriano (ES)
2º- Willians Valério Júnior (Sítio Recanto dos Tucanos)- Alto Caparaó (MG)
3º- Cedro Fornari (Sítio Refúgio do Cedro)- Iúna (ES)
4º- Greciano Lacerda (Sítio Forquilha do Rio)- Espera Feliz (MG)
5º- Miriam de Aguiar (Fazenda Cachoeira)- Santo Antônio do Amparo (MG)
6º- Willians Valério Júnior (Sítio Recanto dos Tucanos)- Alto Caparaó (MG)
7º- Aurelio Figueiredo Felizali (Fazenda Terras Altas)- Ingaí (MG)
8º- Beatriz Aparecida de Souza Guimarães (Quintas de Guimarães)- Serra do Salitre (MG)
9º- Getulio Mitsuhiro Minamihara (Fazenda Santa Maria)- Cristais Paulistas (SP)
10º- José Adil Braggion (Fazenda Boa Esperança)- Bragança Paulista (SP)

CATEGORIA CANÉFORA
1º- Gustavo Sturm (Fazenda Bom Retiro)- Teixeira de Freitas (BA)
2º- Luiz Claudio de Souza (Sítio Grãos de Ouro)- Muqui (ES)
3º- Silvio Ricardo Werner (Sítio Reino das Água Claras)- Lajinha (MG)
4º- Giovanio Cesar Sering (Sítio Sering)- Itarana (ES)
5º- Sara Horst (Fazenda do Braz)- Iúna (ES)

MELHOR AMOSTRA DE FERMENTAÇÃO INDUZIDA ARÁBICA
Maria Gabriela Baracat Sanchez (Fazenda Dois Irmãos Cafés Especiais)- Coromandel (MG)- Cerrado Mineiro

MELHOR AMOSTRA DE FERMENTAÇÃO INDUZIDA CANÉFORA
Ediana Capich (Sítio Santo Antônio)- Novo Horizonte do Oeste (RO)


Comentários Facebook

Entre em contato


28 99976-1113
jornalismo@safraes.com.br

Acompanhe-nos nas Redes Sociais


SafraES

© 2018 SafraES.
Todos os direitos reservados.

© 2020. Todas as postagens do site SAFRA ES podem ser reproduzidas gratuitamente, apenas para fins jornalísticos, mediante a citação da fonte: Site Revista SAFRA ES.
Produção / Cadetudo Soluções Web