Qui, 9 de Jul
×

Busca

SICOOB topo

Coronavírus


Cooperativas inovam para se adequar à nova realidade digital

Por Assessoria de Comunicação OCB/ES
20/05/2020 17h39
Atualizado em 1/06/2020 20h44

(Foto: *Arquivo SafraES)

Diante dos novos hábitos de consumo e da necessidade de manter o distanciamento social, o cooperativismo capixaba têm buscado se reinventar para dar continuidade ou até mesmo ampliar as suas atividades e vendas de produtos e serviços. O ambiente digital tem se provado um meio viável para atingir esse objetivo, e as vendas online têm despontado como uma ferramenta eficaz para atingir novos públicos e clientes.

A Coopram deu mais um passo importante para inovar a sua atuação nesse mercado. Além de já ter aderido ao serviço de entrega, atendendo a pedidos pelo aplicativo WhatsApp e levando alimentos orgânicos até as casas dos clientes na Grande Vitória, a cooperativa lançou a sua loja virtual.

O novo site reúne cerca de 80 opções de compra de alimentos orgânicos frescos. Dentre as variedades fornecidas pela cooperativa, é possível adquirir frutas, legumes, temperos e verduras, além de produtos estocáveis como café, feijão, fubá e biscoito caseiro.

O presidente da Coopram, Darli José Schaefer, afirma que a loja virtual foi criada para ajudar a escoar a produção dos cooperados durante a pandemia e proporcionar maior comodidade aos clientes da cooperativa. A iniciativa também atende às novas demandas do mercado, dado o crescimento de mais de 100% nas vendas online em fevereiro e março deste ano em comparação ao mesmo bimestre de 2019. É o que aponta um levantamento da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (Abcom) em parceria com o Movimento Compre&Confie.

“A Coopram criou esse site para tentar ajudar o produtor a escoar um pouco da sua produção no período de coronavírus. Também estamos dando mais comodidade ao consumidor, que pode entrar na loja e escolher os produtos e a forma de pagamento desejados. Dessa forma fica bem mais fácil comprar. Temos uma linha 80 a 90 produtos, todos provenientes da agricultura familiar, e queremos negociá-los. A diretoria da Coopram definiu os produtos que venderiam bem na loja virtual. Percebemos que atualmente as vendas pela internet estão em alta, então, por que também não inovar na cooperativa?”, avalia o presidente da cooperativa.

Schaefer ainda destaca que a Coopram possui infraestrutura para operacionalizar as vendas. Com equipamentos adquiridos por meio de programas do governo federal e estadual e um centro de distribuição, a cooperativa espera vender, no mínimo, 100 cestas de alimentos orgânicos por semana. A Coopram também pretende dar continuidade às vendas online e ao serviço de entrega após a normalização da atual situação.

“Temos caminhões para realizar as entregas e carros pequenos para fazer o recolhimento dos produtos. Todos os equipamentos foram adquiridos pela nossa cooperativa através do Fundo Social de Apoio à Agricultura Familiar (Funsaf) do então Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA). Também temos montado um centro de distribuição. Queremos atingir, no mínimo, a venda de 100 cestas verdes por semana. Esperamos alcançar essa meta em breve e, depois que a pandemia passar, continuaremos com esse projeto”, afirma o presidente da Coopram.

O serviço de entrega atende os municípios de Vila Velha, Vitória, Cariacica, Viana e Domingos Martins, e as entregas para compras acima de R$ 50,00 são gratuitas. Os pedidos podem ser feitos semanalmente até as terças-feiras, com entregas programadas para as sextas-feiras. Os pedidos feitos de quarta a sexta serão entregues na semana seguinte. Os produtos são enviados após a confirmação do pagamento, que pode ser realizado via crédito débito ou boleto.

Para adquirir os produtos da Coopram acesse: https://coopram.com.br/

Coopesg amplia acesso aos serviços da cooperativa com novo site

A Cooperativa Educacional de São Gabriel da Palha, a Coopesg, lançou novo site em substituição ao seu antigo. Com um layout mais moderno e simplificado, além de informações atualizadas, a plataforma veio otimizar a navegação dos usuários, que agora podem encontrar o que procuram com maior facilidade.

A secretária escolar da Coopesg Daiane Teixeira, responsável pela elaboração do novo site, etapa na qual colaborou a secretária da Coopesg Simone Rigo, explica que a iniciativa surgiu a partir da necessidade de melhorar a experiência dos usuários na plataforma, além de causar uma boa primeira impressão nos potenciais clientes.

“A ideia de reformular o site havia sido proposta já há algum tempo. Nós tínhamos um site que estava muito defasado, sem atualizações desde 2012. O layout já estava muito ultrapassado e não tínhamos acesso às configurações do site. Muitos clientes interessados procuravam informações da escola no Google e se deparavam com um site desatualizado e isso, de certo modo, acabava manchando a primeira imagem da cooperativa com o futuro cliente”, afirma.

A interface do novo site alia o visual moderno e simplificado a conteúdos atualizados, objetivos e de fácil entendimento. Dessa forma, a cooperativa espera gerar mais engajamento no meio digital, atendendo às reais necessidades do seu público.

“Nós buscamos elaborar a plataforma de forma que ela pudesse ser alimentada e gerar engajamento com mais facilidade. Formulamos um site com layout simples, porém moderno e de fácil navegação, e que reúne informações básicas e objetivas. É tudo que o nosso público pede”, conclui a secretária escolar.


Comentários Facebook

Entre em contato


28 99976-1113
jornalismo@safraes.com.br

Acompanhe-nos nas Redes Sociais


SafraES

© 2018 SafraES.
Todos os direitos reservados.

© 2020. Todas as postagens do site SAFRA ES podem ser reproduzidas gratuitamente, apenas para fins jornalísticos, mediante a citação da fonte: Site Revista SAFRA ES.
Produção / Cadetudo Soluções Web